Posts com Tag ‘travestilidade’

“I have too much imagination to just be one gender.” – Erika Linder

Apesar de toda maldade em meu coração, escrevo com muito amor. E como hoje é aniversário da Tia, vou escrever sobre um dos meu temas favoritos, androginia. Presentinho pra mim.

Mas qual a relação entre androginia e os transexuais? Assim como a transexualidade, e a travestilidade, a androginia também é considerada uma transtorno de identidade de gênero. Sim, são consideradas doenças.

Muitas pessoas chamam a bissexualidade de “fica em cima do muro”, “indecisão”, pois a pessoa não “escolhe” entre homens e mulheres, como se fosse escolha. A androginia seria, de certa forma, o “ficar em cima do muro” com relação as identidades de gênero. Só que esse “ficar em cima do muro” é a nossa maneira de forçar uma escolha que não existe, de querer puxar para um lado ou para o outro. Vontade de forçar algum tipo de binarismo. A androginia, assim como a bissexualidade, é uma mistura e não indecisão.

Pessoas andróginas são as que possuem um identificação mista entre masculino, feminino e etc. A androginia em si é bem simples, é apenas uma mistura entre os gêneros com os quais nos acostumamos, é a não definição ente um ou outro. A pessoa não se identifica como homem e nem mulher, se identifica como a mistura. Também pode ser feitas adaptações ao corpo, assim como transexuais e travestis, apesar disso ser incomum. A sexualidade também não é definida pela androginia, nós já aprendemos a separar identidade de gênero de sexualidade.

Existem transexuais andróginos? Eu nunca vi, mas com certeza eles devem existir. E eu sou completamente a favor. É por essas e outras que acredito que nossa sigla, que sempre cresce, será sempre insuficiente. LGBTT, já existe LGBTTQIA. Já estão ficando letras demais para uma sigla e letras de menos para definir a nossa diversidade.

No fim das contas todas as identidades de gênero, sexualidades, são simples, nós é que complicamos as coisas.