Primeiro Museu LGBT da América Latina será em São Paulo

Publicado: 28/05/2012 por @peagapenalvez em Dica Cultural
Tags:, , , , , , , , , ,

 

Foto: Daniel Nicoletta

Museu LGBT de São Francisco

Geraldo Alckmin, governador de São paulo, assinou dia 25 o decreto 58.075 para a criação do Primeiro Museu LGBT da América Latina, O Centro de Cultura, Memória e Estudos da Diversidade Sexual do Estado de São Paulo, que será no bairro da República.

O museu terá dois espaços, com uma área total de 150m², e será integrado a estação de metrô República, no centro de São Paulo. A escolha do bairro/estação não é a toa, há 12 anos o adestrador de cães, Edson Neri foi assassinado na Praça da República, e conhecida por diversas casas noturnas e bares, sem falar que o local é palco para diversas manifestações LGBTs ao longo da história. Essa atitude equipara a cidade de São Paulo a duas cidades do mundo com um museu desses: São Francisco e Berlim.

O Centro de Memória LGBT tem como objetivo principal resgatar memórias, ser referência na de busca auxílio cidadão e expor peças que remontem a história do movimento.

A primeira ação dos organizadores de todo o acervo deve acontecer no mês que vem, próximo à 16ª edição da Parada Gay. ‘Será uma exposição de estampas e camisetas‘, antecipa Franco Reinaudo, coordenador geral da CADS [Coordenadoria de Assuntos de Diversidade Sexual].

A Secretaria da Cultura fará um mapeamento de tudo que existe para compor o acervo do museu. Além disso, gravará depoimentos de gays que se assumiram há décadas, como a drag queen Kaká Dipoli que se jogou no chão da Avenida Paulista na primeira Parada Gay, em 1997. Celso Curi também dará depoimento, falando como foi ser a primeira personalidade a se assumir gay em plena ditadura militar.
Há 20 anos se assumir gay ou lésbica era praticamente impossível, quanto mais lutar pelos nossos direitos‘, fala Heloísa Gama Alves, da Secretaria da Justiça. ‘O centro cultural fará a população refletir e conhecer as dificuldades do movimento‘.

~NOSSO museu~ não será comum, é o que prometem os organizadores!!!

comentários
  1. Paulo Sergio Tetti Maragni disse:

    Poxa, finalmente , SP está de parabéns , precisamos ter esse acervo, para que as pessoas possam entender de como a população lgbt era antigamente , e como era reprimida , e esse acervo veio de encontro com a noss atualidade , mostrando hoje a liberação, quero dizer como facilitou mais a populaçõa lgbt.

O que achou desse texto?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s