Cade o amor? Pastor convoca seus fiéis para uma verdadeira batalha na Parada Gay de Maringá

Publicado: 16/05/2012 por @peagapenalvez em Direitos
Tags:, , , , , , ,

Parada Gay Maringá - Do Que Os Gays Gostam

Não é de hoje que me pergunto: Cade o Amor? Ainda mais vindo de um pastor que deveria propagar isso em seus discursos, ao invés de colocar pessoas contra pessoas. É isso que o Pastor Paulo Klingelfus fez ao convocar seus fiéis a comparecem a Parada Gay de Maringá em seu blog com a seguinte frase: ‘Nossa luta não é contra carne nem sangue mas contra principados‘.

A Parada Gay de Maringá acontece no próximo dia 20 de maio, porém um dia antes grupos evangélicos organizaram a Marcha para Jesus, como forma de se manifestar contra. Não sou contra evangélicos irem às ruas para se manifestar, até porque o Brasil é um país livre e TOD@S tem esse direito, inclusive nós gays.

O pastor diz: ‘A igreja de Maringá, assim como muitas outras estarão no próximo dia 19 promovendo a Marcha Para Jesus, porém no dia seguinte o movimento gay estará realizando também em Maringá a sua passeata, o que para muitos possa até parecer normal, nos mostra o verdadeiro propósito, pois estão mobilizando caravanas de várias cidade do Brasil para que venham participar‘. Não sei porque, mas isso me parece INVEJA da organização mobilizar pessoas de várias cidades a comparecer na parada e eles não conseguirem nada disso.

Paulo finaliza com o seguinte trecho: ‘O versículo nos chama para uma guerra, não contra aos homossexuais, mas contra tudo o que está por traz deste movimento. Nós cristãos amamos os homossexuais, mas não podemos nos calar diante do pecado, a guerra está travada‘.

Guerra? Pastor não deveria semear o AMOR? Acredito que convocar uma congregação a comparecer a manifestação da Parada Gay é IGNORÂNCIA. Além de criar um atrito com os manifestantes, pode acorrer diversas brigas desnecessárias no evento. Acho que Paulo Klingelfus precisa rever seus [pre]conceitos!!!

comentários
  1. Ritinha Lima disse:

    Pê! Esse povo religioso conhece um Deus particular. O Deus dessa gente pratica o terrorismo, separatismo, prega a desunião familiar e outros absurdos.
    O mais interessante é que; eles já estiveram do lado profano, mundano e até criminoso, e agora pousam de bons samaritanos! Deus para esse povo evangélico é tolerante com tudo, mas quando é com os gays? É pecado, abominação, coisa de satã e etc.

    Cadê o AMOR?

O que achou desse texto?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s