Ciclo de Leituras Dramáticas abre o 16º Mês do Orgulho LGBT de SP, no dia 8

Publicado: 02/05/2012 por @peagapenalvez em Especial Parada LGBT
Tags:, , ,

Durante quatro terças-feiras de maio, a APOGLBT e a Livraria da Vila convidam o público para refletir sobre temas relacionados à diversidade sexual através da linguagem do teatro, com entrada gratuita.

O 16º Mês do Orgulho LGBT de São Paulo inicia no próximo dia 8 com uma novidade na programação: o retorno do Ciclo de Leituras Dramáticas, que propõe reflexões acerca da diversidade sexual através de textos contemporâneos e a atuação de jovens talentos das artes cênicas. A atividade é promovida pela APOGLBT (Associação da Parada do Orgulho GLBT de São Paulo) em parceria com a Livraria da Vila e ocorre durante as terças-feiras de maio, a partir das 20h, com entrada gratuita.

O Ciclo é composto por quatro encontros nos quais serão interpretadas peças que abordam temáticas como homoafetividade, aceitação e autoestima, identidade de gênero, erotismo, relacionamentos, família, entre outras.  Os textos são assinados por Cássio Pires, Ana Roxo, Zen Salles, Raphael Ramos e Lucianno Maza, que estão em destaque entre as revelações da dramaturgia brasileira.

Para o ator João Gomes, que coordena a atividade, o teatro “sempre foi um espaço aberto à tolerância, para que as pessoas busquem construir suas compreensões de forma ampla e humanizada”. “As Leituras Dramáticas trazem para o Mês do Orgulho um momento de comunhão com arte, tendo como principal objetivo, de forma sensível e atrativa, a expansão do debate proposto pela Parada LGBT, que prima pela educação da sociedade para o fim da discriminação e a igualdade plena”, completa Gomes.

O Ciclo de Leituras Dramáticas conta ainda com o apoio das Edições GLS (Grupo Editorial Summus) e da On Line Comunicação Visual. Os encontros ocorrem de 8 a 29 de maio, sempre às terças-feiras, às 20h, no auditório da Livraria da Vila, unidade Lorena (Alameda Lorena, 1731, Jardim Paulista – próximo à estação Consolação do metrô). Após as leituras, o público é convidado para um bate-papo a fim de comentar sobre os textos, expor suas percepções e trocar experiências.

Confira a programação:

 Dia 08 de maio

Para um banho depois da tarde
De Cássio Pires e Ana Roxo
Direção: Ana Roxo
Elenco: Ana Roxo e Thiago Adorno
Uma experiência de teatro simultâneo, em que o público é dividido em duas partes e assiste à dois depoimentos sobre um episódio amoroso envolvendo primos adolescentes: uma menina que se apaixona por outra e um menino que descobre-se traído pela paixão da prima por alguém do mesmo sexo.

Dia 15 de maio

Charlotty
De Zen Salles
Direção: Zen Salles
Elenco: Davi Kinski, Camila dos Anjos, Ricardo Gelli, Laerte Késsimos, Guilherme Mazzei e Gisele Lavalle
Mais que homem, mais que mulher, Charlotty é um ser de infinitas possibilidades. Estaria o mundo preparado para um ser tão único como Charlotty?

On $ALE

De Zen Salles
Direção: Zen Salles
Elenco: Ricardo Gelli e Laerte Késsimos
Cazé vende muamba nas ruas durante o dia, enquanto Cadú vende o seu corpo nas avenidas durante a noite. Eles passam a dividir o mesmo espaço em uma cidade que cobra caro por tudo. O desafio de ambos será descobrir algum ponto em comum entre seus mundos tão próximos, mas, ao mesmo tempo, tão diferentes.

Dia 22 de maio

Angor Actus
De Raphael Ramos
Direção: Raphael Ramos
Elenco: André Dallan, Fabiana Vieira, Norma Gabriel e Vinícius Piedade
Uma história é contada em quatro atos. A conversa entre Fábio e seu chefe Walter é o ponto de partida no desvelar de um quebra-cabeça entre quatro personagens (e uma quinta voz). Provocações e angústia em transmutação.

Dia 29 de maio

Neve
De Lucianno Maza
Direção: Marcos Gomes
Elenco: Gui Paiva, Luciana Caruso e Maurício Machado
Um feliz casal homossexual tem suas vidas agitadas com a chegada da irmã de um deles, uma dependente química. Dias se passam e tudo pode acontecer dentro deste apartamento: até nevar.

Mês do Orgulho LGBT de São Paulo

O calendário anual de atividades político-culturais promovido pela APOGLBT chega a sua 16ª edição com o tema “Homofobia tem cura: educação e criminalização!”. A reivindicação é para que seja aprovado o projeto Escola Sem Homofobia, que visa preparar os professores da rede pública para o combate ao bullying, e o Projeto de Lei da Câmara (PLC) 122/06 – há seis anos em tramitação no Senado –, que pretende criminalizar a homofobia em âmbito nacional, assim como está previsto para o racismo e outros crimes de ódio.

Além do Ciclo de Leituras Dramáticas, a programação conta com o 10º Ciclo de Debates (datas e locais a definir), a 12ª Feira Cultural LGBT (7 de junho, no Vale do Anhangabaú), o 12º Prêmio Cidadania em Respeito à Diversidade (8 de junho, na Academia Paulista de Letras), o 12º Gay Day (9 de junho, no Playcenter) e encerra com a 16ª Parada do Orgulho LGBT de São Paulo (10 de junho, na Avenida Paulista).

Para mais informações sobre as atividades oficiais e o circuito paralelo, acesse www.paradasp.org.br, curta a página da Parada no Facebook (www.facebook.com/paradasp) ou siga @paradasp no Twitter. A APOGLBT também atende pelo telefone (11) 3362-8266 e pelo e-mail paradasp@paradasp.org.br.

|SERVIÇO| 

Ciclo de Leituras Dramáticas – 16º Mês do Orgulho LGBT de São Paulo

“Homofobia tem cura: educação e criminalização!”
Dias 8, 15, 22 e 29 de maio (terças-feiras), às 20h
Livraria da Vila, unidade Lorena – Alameda Lorena, 1731, Jardim Paulista
Entrada gratuita
Programação completa em www.paradasp.org.br
Para mais informações: (11) 3362-8266 | paradasp@paradasp.org.br

O que achou desse texto?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s