De Quais Séries Os Queer Nerds Gostam [ou não]

Publicado: 10/04/2012 por @TomásOliveira em Queer Nerd
Tags:, , , , , ,

“Você não tem que se preocupar em ser igual a ninguém, porque a ideia é que seja exatamente diferente.”

(Não Gosto dos Meninos)

Séries

Quem nunca ouviu falar de Queer as Folk?  A série não é necessariamente nerd mas, como praticamente todo nerd gosta de séries, é uma boa pedida. Aliás, séries e referências gays não são novidades. Vamos falar um pouquinho de algumas delas no meu oficialmente primeiro post do #DQONG.

Beijo quente em Queer as Folk

Em Queer as Folk, conhecemos a história de cinco gays (Brian, Justin, Michael, Emmett e Ted), de duas lésbicas (Lindsay e Melanie), e da mãe de Michael (Debbie), moradores de Pittsburgh, na Pensilvânia, EUA. A narração gira em torno do estilo de vida desses queers fofos. Com uma combinação quente de drama, humor e [o meu preferido] sexo [com os homi nu e tudo].

Will & Grace

Com certeza, de todas aqui faladas, essa é a mais famosa. Will & Grace ficou no ar por 8 anos. Will, o gay. Grace, a amiga [hetero]. A série expõe a vida do casal de namorados Will e Grace que, em sua primeira relação sexual, tornam-se melhores e inseparáveis amigos depois que ele percebe ser gay. Na Wikipedia, achei a lista dos famosos que passaram pela série: Madonna, Elton John, Britney Spears, Cher, Molly Shannon, Alec Baldwin, Ellen DeGeneres, Jeremy Piven, Patrick Dempsey, Maria Pitillo, Kevin Bacon, Janet Jackson, Jennifer Lopez, Luke Perry, Leslie Jordan e Minni Driver. Curti baldes [baldes = advérbio de intensidade]!.

The L World

Já na área das nossas amigas lésbicas, existe a série The L World. Confesso que nunca assisti, mas já ouvi falar bem. A série conta a vida de moças lésbicas e bissexuais, mostrando confrontos internos das personagens. A letra L do título pode ser reconhecido por três palavras: Love [Amor], Lesbian [Lésbico] ou Lonely [Solitário]. É uma ensaio válido da vida das meninas que gostam de meninas. Li que a série tem “interpretações ótimas, enredo conveniente e aspecto agradabilíssimo”. E é legal, porque os homens são sempre os mais explorados em séries.

Dante's Cove

 Quem, como eu, adora o lado sobrenatural das coisas, talvez goste do trash Dante’s Cove. Imagine você uma bruxa chegar em casa e pegar o maridão na cama com o mordomo? O boy bruxo magia acaba amaldiçoado no porão no corpo de uma pouco simpática cacura [velho, no dialeto carioca gay]. Pra quebrar a maldição? Adivinha? Um beijinho de outro boy magia. Anos depois, surgem Kevin e Toby, casalzinho fofo, novos hóspedes do Hotel Dante’s Cove. Aí o trem fica bom quando Ambrósius, o boy-bruxo-magia-amaldiçoado, consegue catar o Kevin e se livrar da maldição. O problema da série, é que os boys foram escolhidos porque são fofos, gostosos e gatos. O nível de atuação é de uma Malhação de média renda. É tenso. Sabe Elvira, A Rainha das Trevas? As atuações são melhores. Mas vale a pena dar uma olhada. Tem nu frotal e tudo [prevejo download de Dante’s Cove em 3, 2, 1…].

The Lair

Acho que quem escreveu The Lair era fã de Moulin Rouge. Meu xará Tom, reórter, começa a investigar alguns desaparecimentos. Onde ele vai parar? Em uma casa de prostituição do mal. A partir daí, o dono do lugar e Tom se envolvem e começa a trama. Tem muito oba-oba mas é até que mais interessante do que Dante’s Cove. Os efeitos são até que legaizinhos. E rola rir da coisa toda.

Donnald Strachey Mystery

 Alguém aí já imaginou um universo de Sherlock Holmes gay? Donnald Strachey Mystery está aí pra isso. Donnald é um viado detetive gay que faz investigações na área GLS. Essa eu também não vi. Não sou o maior fã de séries policiais. Mas conversei com uns conhecidos e disseram que é muito boa a série. Chegaram a comparar com CSI. Estou pensando em assistir.

Noah's Arc

Se você, QN ou não, gosta de uma comédia que fale sobre relacionamento, traição, sexo, preconceito, casamento de bees e tudo o mais, Noah’s Arc [A Arca de Noé {oi?}], tem como diferencial ter um quê de Everybody Hates Chris. Os meninos são todos negros e possuem toda ginga do gueto. Achei bem legal.

Personagens

Jesus e Lafayette

Além das séries com temática gay, temos vários personagens no universo da dramaturgia que sempre acabam nos encantando e fazendo rir ou chorar.

 Tem alguém que não conheça e morra de rir com o Lafayette de True Blood? O negão é fofo, gay, traficante e médium. Fala o que pensa, quando pensa, do jeito que quer. Vive com a boca cheia de fucks, shits, dicks e não está nem aí. Ele é demais. Viveu um tempo com Jesus, enfermeiro que depois descobriu ser um brujo, bruxo mexicano. Infelizmente, depois de mexer com magia e corpos possuídos, Lafayette perde Jesus e agora é aguardar a próxima temporada pra ver como vai ser. Além deles, a Tara, prima do Lafayette, teve um caso com uma menina super fofa mas não foi muito explorado.

Deus sabe a minha reação quando vi esse beijo do Kurt com o Blaine (L)

Em Glee, temos os fofos, lindos, gostosos e super pegáveis Kurt, o fashionista cantor e mal compreendido, Blaine, namorado do Kurt, o mais lindo, o mais fofo, o mais tudo, cantor dos Rouxinóis e o Karofsky, gay não assumido, jogador de futebol, que praticando bulliyng, acaba beijando o Kurt que fica traumatizado, tadinho!

Willow e Tara

 Em Buffy [A Caçadora de Vampiros], Willow, após ficar com meninos, um lobisomem [ui] e ter seu coraçãozinho mágico partido, se junta com a Tara e forma um casal lésbico de bruxas.

 Alguém por aí lembra de mais algum? 🙂

And so… It is. 🙂 I hope you like!

PS: Este é 2.000º post do blog, que feliz! \o/

 

Dica de música do TomTom (not gay, but very cool):

comentários
  1. Mich disse:

    Gosto bastante de sitcoms. “Will & Grace” é uma das minhas favoritas.
    Uma que eu recomendo é “Happy Endings”. Nessa tem um Queer Nerd entre os personagens principais.

  2. Leandro Lan disse:

    AMOOOOOOOOOOOOO BUFFY. AMO.

  3. Riik disse:

    Queer as Folk é clássico, curtia muito *–*
    Glee tbm eu amo d++

    Ótimo post, vou dar uma olhada nessas outras séries, beijão Tomás.

  4. Artur disse:

    Adorei o texto, mto bem feito!!! Otimas dicas pra gente sempre.
    Amo todas essas séries!
    Bjsss

  5. Cairo Braga disse:

    adoreeeeeeeei o post, não conhecia as séries de terrorzinho e tals. vou procurar saber mais.

    mas uma dica: Donald Strachey Mysteries é uma séries de telefilmes e não uma série de TV semanal. é baseada numa série de livros. aqui a dica: http://en.wikipedia.org/wiki/Donald_Strachey

    ta ahazando Tomás!

    BEIJOS

  6. M a r c e l o disse:

    Adorei, parabéns pelo post, Queer as Folk foi emocionante, uma das poucas séries que vi mais de uma vez, valeu lembrar Will & Grace que foi uma série que eu adorei, o que me fez lembrar da novata série Smash um musical ótimo, com bastante personagens gays, vale muito a pena essa série!

  7. Todo nerd que se preze (gay, hétero, bi, pan, multi… kkkkk) tem na sua lista de séries favoritas algumas destas:

    Fringe;
    Community;
    The Walking Dead;
    How I met your mother;
    The Sopranos;
    Game of Thrones;
    House;
    Parks and Recreation;
    Lost…

    Se você sequer conhece alguma dessas, você pode ser a maior queer do mundo, mas nerd…

    Agora se for pra falar sobre séries com a temática gay, concordo com QAF, The L Word e até com Will & Grace. As outras citadas são mais trash que filme do Zé do Caixão. E não de uma maneira cult, mas ruim mesmo.

    Mas sobre este tema, indico uma série atual muito bacana. Uma comédia chamada Happily Divorced, que fala sobre a vida de uma mulher, dona de uma floricultura, que após 18 anos de casada descobre que o marido é gay. Ainda vivendo na mesma casa, os dois tentam manter a amizade enquanto buscam por novas relações. É um sitcom bacaninha de se ver. Recomendo. Assim como recomendo todas as demais séries citadas (nem tanto pra Sopranos, House e Lost, mas enfim…)

O que achou desse texto?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s