Tattoo: E aí?

Publicado: 05/04/2012 por felipegazz em Go Fashion
Tags:, , , ,

Oi Meninos, como passaram a semana? A minha foi ótima e espero que a de vocês também.

O post de hoje vai tratar de um tema que é bem legal para alguns e tabu para outros: A tatuagem.

Foto: Livia Soppo

Por mais que a gente ache que a modificação do corpo usando tatuagens seja algo bem moderno, existem provas arqueológicas que as tatuagens já existiam no Egito antes de Cristo. Nas regiões mais remotas e antigas da Ásia também foram encontradas provas de que as pessoas já se tatuavam como parte de rituais religiosos. Na idade média, a Igreja Católica baniu a tatuagem usando o discurso de que se tatuar era uma obra de culto ao demônio e vandalismo ao corpo.

Bom, o que sabemos é que hoje encontramos tatuagens dos mais diversos tipos, tamanhos e cores nos corpos por aí. Eu, particularmente, acho tatuagem algo muito bacana mas devemos ter alguns cuidados ao fazê-la para depois não bater o arrependimento ou até mesmo dificuldades em arrumar um trabalho por exemplo. 

Vou deixar pra vocês, lindos, um guia prático que deve ser levado em consideração para decidir se devem ou não fazer uma tattoo:

1 – Porque você quer fazer uma tatoo?

Essa pergunta deve ser respondida de forma sincera pra você mesmo. Não se engane! Qual é o real motivo de você querer um desenho permanente no seu corpo? Inclusão em um grupo? Acha bonito? Algum significado importante para a sua vida? São questões simples mas que devem se levadas em consideração em primeira estância antes de tudo.

2 – Em qual parte do corpo vou fazer a tatuagem?

Eu tenho uma tattoo muito pequena no meu braço direito que fica totalmente escondida com o uso de camisas e camisetas. Isso foi um desejo meu. Ok, você quer que a sua tatuagem fique visível para todos mas já pensou que você pode enjoar dela? Tudo bem, você acha que não vai enjoar mas, e profissionalmente? Vai ter dificuldades em arrumar um trabalho? A sua área de atuação permite com tranquilidade que você tenha uma linda tattoo a mostra? 

Não é preconceito, mas desaconselho vocês a fazerem tattoos na região da cabeça e rosto pois é o seu cartão de visita. É o primeiro lugar do seu corpo que as pessoas olham e nem sempre todas elas gostam de tatuagem e você pode, sem querer, passar uma imagem errada ao seu respeito.

3 – O Desenho.

Isso é uma decisão importante. Muita gente faz tatuagem hoje apenas porque acha bonito. Ok, isso pode ser até válido de certa forma, mas qual é a razão de tatuar um desenho apenas porque achou ele bonito. Imagine uma pessoa tatuar a suástica na pele apenas porque acha a simetria incrível, sem saber toda a história e crueldade que está por trás do tal símbolo. Defina se quer um desenho colorido ou monocromático. Tatuagens coloridas ficam muito bem em pessoas com pele clara, já as pessoas com a pele em tom moreno ou bronzeado uma tatuagem monocromática pode ficar muito mais bonita. 

Deixe a sua criatividade fluir. Tome apenas cuidado com a escolha do desenho. Você pode amar um desenho hoje mas pode acha-lo bem infantil daqui a 10 anos. 

4 – O estúdio.

Uma dica valiosa para vocês não se arrependerem depois é procurar amigos que já têm tatuagem e perguntar onde eles fizeram, especialmente se a tattoo do seu amigo ou amiga for bem bonita. Tente visitar os estúdios, verifique as condições de higiene e equipamentos que o estúdio oferece. Cetifique-se que o material que eles utilizam é esterilizado e as agulhas são descartáveis, afinal, ninguém quer entrar sadio para fazer um desenho no corpo e depois descobrir que pegou uma Hepatite, por exemplo. Isso é sério galera.

Procure saber sobre o tatuador, vá atrás dos trabalhos que ele já fez e se ele segue um estilo de desenho que você gosta. Hoje existem muitos estúdios bons e tatuadores que são verdadeiros artistas.

Foto: Google Images

Muito bem, você já tomou todas as decisões, falou com os pais e amigos á respeito e se tatuou. Que maravilha né? Mas o papo não para por aí, existem alguns cuidados a serem tomados:

Filme plástico

Muitos tatuadores recomendam cobrir o local da tatuagem recém-feita com plástico de embalar alimentos, por pelo menos três dias. No entanto, nem todos os tatuadores compartilham da mesma opinião, pois alega-se que a pele recoberta por plástico, com resíduos de pele e líquidos (sangue, tinta, suor, etc) podem gerar uma ambiente propício para a formação de colônias de bactérias. Alguns recomendam manter por no mínimo cinco horas, tempo suficiente para cicatrização inicial, e depois retirar só recolocando à noite para não grudar no lençol, no primeiro ao terceiro dia.

A recomendação de uso do plástico também está associada ao contato da tatuagem recente com tecidos: a cicatrização que pode ocorrer logo após o processo ou à noite, com vazamento de linfa e consequente aderência do lençol ou roupa ao desenho, gera o risco de remoção da camada superficial onde estão alojadas as tintas. A consequência pode ser a formação de falhas em alguns pontos

Lavagem

Deve-se lavar a região com sabonete neutro durante o banho, após algumas horas, para manter o local limpo, já que a pomada também sairá na lavagem. Além disso, os resíduos podem criar uma superfície de risco por falta de assepsia.

Água

A água é um elemento importante para o processo químico de cicatrização, fazendo parte da cadeia de fixação do colágeno. A pele muito seca pode perder mais células ou demorar mais para cicatrizar. Por outro lado, o excesso de água também prejudica, ao amolecer a casquinha. Por isso, é muito importante não deixar a tatuagem exposta ao sol, não ir à praia, piscinas, saunas, nem tomar banhos longos, e não esfregar com buchas abrasivas ou sabonetes fortes.

Crosta

Não puxe a crosta. É o conselho de todo tatuador. Para algumas pessoas, uma tarefa fácil. Para outras, nem tanto: é um ritual viciante e somado à curiosidade, puxar as crostas para que “cicatrize logo” pode abrir buracos nos desenhos, mesmo quando a crosta parece fina e superficial. Além disso, uma coceira frequente devido à retração da pele provoca o desejo de se encravar as unhas no local. Via de regra, jamais arranque a crosta.

Alimentação

Deve-se tomar cuidado com a ingestão de alimentos que possam causar alergia no período de cicatrização do trabalho, pois em algumas pessoas a pele pode adquirir um comportamento reativo e comprometer o resultado da tatuagem.

Costuma-se recomendar a suspensão de alimentos muito gordurosos, carne de porco, frutos do mar, comida japonesa e pimentas.

Espero que tomem nota das dicas acima e façam a sua tattoo com muito consciência. Lembrem-se que esse procedimento pode ser irreversível uma vez que hoje as técnicas de remoção de tatuagens, muitas vezes, deixam cicatrizes.

Fiquem Lindos e #GoFashion

comentários
  1. M a r c e l o disse:

    Eu curto tatoo, nada muito exagerado mas tem algumas pessoas com com gosto e bom senso mas eu nunca imaginei o que eu iria fazer em mim, acho que iria acabar enjoando!

O que achou desse texto?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s