Padre espanhol impede batizado ao descobrir que padrinho é gay

Publicado: 26/12/2011 por @peagapenalvez em Religião
Tags:, , , , ,

Por Peagá Peñalvez

O padre da paróquia de Nossa Senhora da Conceição, ao sul da Espanha, impediu um batizado ao descobrir que o padrinho era gay. A família levará o caso aos tribunais.

O padrinho, amigo da família, e casado já há um bom tempo, já que mora na Espanha e lá existem leis que garantem esse DIREITO a qualquer cidadão.

 Dolores Muñoz, a mãe da menina de 6 meses disse que a família e os padrinhos cumpriam todas as normas requeridas pelo sacerdote quando levaram a documentação.

Perguntaram se pais e padrinhos estavam batizados e confirmados. Depois se todos estávamos casados e respondemos que sim. Nunca pensamos que teríamos que avisar que ele era casado, mas com um homem. As normas, ele cumpria‘, disse.

O padre Manuel García não aceitou o batismo, e ainda disse que aceita batizar a menina desde que escolham outro padrinho.

Os pais enviaram uma carta ao arcebispo da província de Jaén e nesta quinta-feira denunciaram publicamente, com uma associação de homossexuais, o caso que definem como discriminatório. Para o espanto dos pais, o arcebispo respondeu a carta dizendo que um padrinho católico precisa ter uma vida ‘congruente‘.

Estuprar coroinhas, ou manter relações com outros homens sem que a sociedade saiba é ter uma vida congruente??? Não, isso é ter uma vida de HIPOCRISIA, e acredito que a religião católica é mestre nesse tipo de atitude.

O que achou desse texto?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s