Emílio Ribas ganha novo ambulatório e centro para teste rápido de HIV

Publicado: 02/12/2011 por @peagapenalvez em Go Health
Tags:, , , ,

Hospital-símbolo do combate à Aids na capital paulista amplia em quase 70% a capacidade para consultas com médicos especialistas

A Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo entregou nesta quinta-feira, 1º de dezembro, Dia Mundial de Combate à Aids, um novo e moderno ambulatório no hospital estadual Emílio Ribas que irá ampliar em 67% a capacidade de consultas com médicos especialistas. O investimento foi de R$ 6 milhões em reformas e compra de equipamentos. O governador Geraldo Alckmin e o secretário de Estado da Saúde de São Paulo, Giovanni Guido Cerri, participaram da inauguração da unidade, por volta de 12h30.

No local também funcionará um centro de testes rápidos de HIV, com resultados em 15 minutos. Antes os pacientes demoravam em média duas semanas para poderem retirar o exame.

Com o novo ambulatório o número de consultas mensais passará de 3 mil para 5 mil. Além disso o prédio de internações do Emílio Ribas terá capacidade para mais leitos, uma vez que o atendimento ambulatorial será transferido para o novo espaço. O prédio terá duas salas com pressão negativa, para atendimento de pacientes com tuberculose.

O projeto modernizou o modelo de atendimento atual e oferece andares setorizados por cores, além de amplos consultórios e um ambiente confortável, adequado para os profissionais e pacientes. Logo na recepção, os usuários recebem uma identificação com a cor do setor em que será realizada a consulta.

“Todo o projeto teve como objetivo a atualização de fluxos e a melhoria do acolhimento, com locais preparados para oferecer o melhor tratamento ao paciente”, diz o médico infectologista David Uip, diretor do Emílio Ribas.

No local serão oferecidas nas áreas de infectologia, dermatologia, ginecologia, neurologia, cardiologia e pediatria, entre outras, além de atendimento multiprofissional com psicólogos, fisioterapeutas, terapeutas ocupacionais e assistentes sociais. O ambulatório também possibilitará a integração de dois consultórios odontológicos e da farmácia ambulatorial.

Já o novo centro de testagem rápida de HIV irá oferecer, além do resultado em 15 minutos, acompanhamento psicológico e seguimento médico, caso o exame dê positivo.

“São Paulo ganha um ambulatório novo em folha na área de infectologia, com modernas instalações e corpo clínico altamente qualificado para atender os pacientes soropositivos e outras doenças infecto-contagiosas. É um hospital centenário que se renova para o século 21”, afirma o secretário de Estado da Saúde, Giovanni Guido Cerri.

Na balada

O hospital estadual Emílio Ribas também promove nesta quinta-feira um alerta sobre a doença para as pessoas que forem à casa noturna Villa Country, na zona oeste da capital paulista.

A ação, que já vem acontecendo em diferentes estilos de casas noturnas desde ultimo dia 24 de novembro, será realizada em show com mais de 10 mil pessoas.

A ação faz parte da campanha “Aids: ela não perde uma balada” e já esteve em casas noturnas como: D-Edge, Love Story, Bubu Longe, Santa Aldeia, Canto da Ema e Mary Pop. As abordagens  devem seguir ainda nas noites do dia 2 e 3 de dezembro, com distribuição de um total de 60 mil camisinhas. Nas casas, cartazes e adesivos são afixados banheiros femininos e masculinos das baladas.

A legenda dos materiais com o slogan da campanha apresenta um código para que usuários de smartphones acessem e assistam o documentário da campanha na página do Emílio Ribas no Facebook. O vídeo, que conta com a participação dos artistas Adriane Galisteu e Paulo Ricardo, apresenta depoimentos de jovens bonitos e aparentemente saudáveis, que vivem com HIV, e que relatam o não-uso do preservativo nas relações sexuais com pessoas que desconhecem sua condição de saúde.

A abordagem nas baladas está sendo feita por jovens modelos, homens e mulheres, que promovem a ideia de que a Aids não esta relacionada a beleza, aparência física ou aspecto saudável. No uniforme dos modelos esta divulgada a mensagem: “Cuidado com aquilo que deseja… A Aids esta na pista!”.

Além disso, o Emílio Ribas programou o envio de 400 mil torpedos sobre prevenção à Aids, em parceria com a operadora Vivo. A mensagem “A cada três dias um jovem é diagnosticado com HIV no Instituto Emílio Ribas” pretende chamar a atenção do público jovem para a realização do teste para a sorologia do HIV, bem como o alerta para o uso do preservativo.

Jogos brasileirão

Em parceria com a Federação Paulista de Futebol, o público frequentador dos estádios de também será alvo da campanha. Durante os intervalos do último jogo do Campeonato Brasileiro (4 de dezembro), os torcedores poderão acompanhar a entrada de uma faixa com alerta para a prevenção da Aids.

Via Assessoria de Imprensa Instituto de Infectologia Emílio Ribas

O que achou desse texto?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s