Dica de Filme por @JaderPlanoB: 5 produções que vocês não podem perder

Publicado: 02/12/2011 por @peagapenalvez em gay
Tags:, ,

Por Jader Plano B

Hoje é dia de dica de filme do Jader, aqui no DQOGG, e cá estou eu, depois de desaparecer por duas semanas, de volta para falar de cinema. Normalmente meu texto é sobre um filme que já vi e gostei, mas hoje resolvi escrever sobre 5 produções para tapar o buraco das últimas semanas que fiquei sem escrever.

Certa vez escrevi no meu blog, o Plano B, sobre os melhores filmes com temática gay, mas hoje farei algo diferente, indicando 5 filmes para vocês assistirem e comentarem conosco depois. Vamos lá?

Delicada Atração

O filme de 1996 conta a história de dois estudantes de periferia que se apaixonam. “Delicada Atração” não é muito conhecido no Brasil, mas eu indico!

A produção de Hettie MacDonald, que além de mostrar a homossexualidade como tema principal, é um drama é forte, que aborda a violência familiar, alcoolismo e mostra que as pessoas não são o que parecem.

Latter Days

O filme de 2003, acredito eu, é um dos mais complexos da lista, mostrando a homossexualidade ao lado da religião. O filme narra à história de Christian, um rapaz de 20 e poucos anos e nenhum juízo na cabeça, que vê seu mundo se chocando com a chegada de Elder Aaron Davis e seus três amigos ao seu prédio, detalhe, eles são missionários mórmons. A produção conta com direção de roteiro de C. Jay Cox e no elenco o ator – não famosa na época – Joseph Gordon-Levitt.

Caindo Na Real

Os atores Winona Ryder, Ethan Hawke, Ben Stiller e Renée Zellweger estrelam essa comédia dramática de 1994, que narra uma história de conflitos de amizade e homossexualidade. A trama da história de “Caindo Na Real” gira em torno de Lelaina, personagem de Winona Ryder.

O Clube dos Corações Partidos

Homossexualidade, lesbianismo e softball ainda não resumem a trama de “O Clube dos Corações Partidos”, essa comédia dramática – com pintas de romance – que conta com roteiro e direção de Greg Berlanti. No filme, as desventuras vários personagens são contadas de forma quebrada. Sem a linearidade habitual do cinema, as várias histórias são apresentadas com a apenas uma ligação: o restaurante de Jack, patriarca da turma.

Philadelphia

A primeira superprodução de Hollywood a tratar do tema: O filme conta a história real de Andrew Beckett, um advogado homossexual que trabalha para uma prestigiosa firma em Filadélfia. Quando fica impossível para ele esconder dos colegas de trabalho o fato de que tem AIDS, é demitido. Beckett contrata então Joe Miller, um advogado homofóbico, para levar seu caso até o tribunal.

Lembrando sempre, que vocês podem nos mandar dicas de filmes, séries e documentários, que o blogueiro aqui irá assisti-lo e escrever sobre eles.

Acesse o blog do Jader Plano B

comentários
  1. Gente, esse moreno do filme Latter Days É P-E-R-F-E-I-T-O.
    Casava com ele sem pensar duas vezes.

    Pronto, falei.

  2. Riik disse:

    Latter Days é liindo, ja assisti mil vezes, recomendadissimo 😀

  3. Eliardo disse:

    nunca havia assistido latter days, mas agora assisti e é ótimo! a maioria dos filmes com temática gay, ou algum acaba morto, ou acabam separados e isso fica bastante chato, mas nesse não, foi diferente… se bem que o meu preferido até agora é shelter… rsrsrsrs

O que achou desse texto?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s