Auto Estima Gay. Tantos precisam dela…

Publicado: 16/09/2011 por @peagapenalvez em gay, Sexualidade
Tags:, , , , , , , ,

Olá! Acompanhado o blog de vcs já há bastante tempo. Os esclarecimentos me ajudam bastante, embora deva admitir que sinta um pouco de inveja (uma “inveja boa“, espero), dos blogueiros e de muitas das pessoas que fazem perguntas, pois vejo que elas possuem um grau de naturalidade (ou maturidade) com relação ao fato de ser homossexual que não atingi, e talvez não atinja.

Já tenho 32 anos, porém ninguém, salvo minha analista, sabe de minha orientação sexual (Não consigo falar gay, não é terrível?). Prejudica bastante o fato de que vivo em uma cidade do interior com 30.000 habitantes. Acredito que as pessoas devam desconfiar de algo, pois nunca namorei uma menina.

Oficialmente, sou “acima de qualquer suspeita“. Com os meus pais, é simplesmente inimaginável falar sobre isso. A análise tem-me ajudado a me aceitar mais, pois, antes de iniciá-la, estava começando entrar em uma espécie de paranóia, tinha medo de ser percebido como homossexual, de ser atacado na rua, um horror.

1) Às vezes, penso que deveria tentar me relacionar com uma mulher, para experimentar como é. Tipo assim, acabar com qualquer dúvida sobre ser homossexual ou não. Acham válido?

2) Meu melhor amigo vem com umas conversas estranhas, dizendo que não ligaria se soubesse que um amigo é homossexual. Às vezes penso que é uma indireta para mim. Valeria a pena contar para ele? Eu tenho vontade, mas seria um risco bem grande. O que fazer?

3) Acha que seria bom tentar fazer amigos gays, ir a lugares, etc? Sou extremamente tímido. O mundo gay é amedrontador para mim, devido à atmosfera de extroversão que parece imperar nele, e devido também ao culto da forma física, pois além de tudo não sou, digamos, esteticamente muito estimulante, para usar uma terminologia politicamente correta.

Bem, acho que seria isto, por enquanto. Devo muito a vcs., de coração, pois, como já disse, o site me ajuda bastante. Desculpem pela extensão do e-mail, que já está parecendo um livro.

Um abraço,

NFL, via E-mail

Peagá Peñalvez responde:

Olá querido, fico feliz em saber que acompanha nosso blog faz tempo e que o tenhamos ajudado com nossas respostas aqui. Você não tem noção de como é bom ler isso dos leitores, sabia??? Adoro o ‘trabalho’ como blogueiro no DQOGG, quando o criei não pensei que teríamos tantos leitores, e hoje fico feliz em saber que temos sim.

Não sinta inveja [é uma inveja boa, sim] de nós ou dos outros leitores, mas tome como exemplo a naturalidade com que lidamos com nossa orientação sexual para a sua vida. Não que estejamos certos ou errados, mas busque a sua verdade quanto a isso. Não estamos aqui para ditar verdades, mas para expor nosso ponto de vista, e cada um tem que ponderar o que tirar como exemplo. Fazer psicoterapia é muito bom.

1] Se você já sabe que gosta de homens, mesmo nunca tendo transado com uma mulher, para que se ‘violentar’ fazendo algo que sabe que não curte??? Acho que antes de mais nada você precisa começar a buscar AUTO ESTIMA, sendo gay, hetero ou bissexual. Já transei com mulheres quando era mais novo, pelo motivo que você citou… Quer saber??? Não mudou NADA na minha vida, e não curti a experiência.

2] Ter alguém com quem conversar com SINCERIDADE é sempre muito bom. Alguém que te entenda, respeite e dê conselhos. Se você acha que seu amigo levará de boa a sua sexualidade, porque não contar??? Sem falar que ele já deve saber faz tempo, apenas espera a hora de você contar para ele. Quem sabe até mesmo ele seja gay e queira desabafar com você??? Nunca se sabe, é apenas uma hipótese.

3] Já falamos um pouco sobre timidez aqui no blog, se você tiver interesse clica AQUI e AQUI para dar uma lida sobre. Sim, acho VÁLIDO você conhecer outros gays e buscar amizades assim. Quanto a suas outras dúvidas: O mundo gay é APARENTEMENTE EXTROVERTIDO, mas muitas das pessoas usam essa máscara para, talvez, esconder as mesmas inseguranças que você tem. Já pensou nisso??? Quanto o culto ao corpo, realmente existe, mas dentro do universo gay há muita diversidade [não é homogêneo], há espaço para TODOS, porque cada pessoa tem um gosto diferente, sendo você feio [não sou tão politicamente correto assim], bonito, alto, baixo, gordo… todos tem oportunidade de conhecer alguém bacana.

Outra coisa: Se não está feliz com algo no seu corpo e isso incomoda demais, MUDE. Tá gordinho??? Entre na academia. Seu cabelo é zuado??? Cabeleireiro dá jeito, até a Elba Ramalho tá com um cabelo bacana agora. Muitas espinhas e pele zuada??? Esteticista deixa ela novinha. O problema é maior do que imagino??? Operação Plástica é usada por centenas de pessoas diariamente, tá afim de muda… SE JOGA.

Beijos e espere que reflita sobre o que escrevi aqui. 

comentários
  1. hjoseph disse:

    NFL, acho q a maioria dos Gays passaram, ou vão passar por isso um dia tá, é bem dificil mesmo, é bem mais dificil do que quando a gnt fica aq falando abertamente sobre isso, acho q o primeiro passo q a pessoa tem q tomar é SE ACEITAR, não é facil eu sei,mas vc vai ver q vale muito a pena, ja morei em cidade pequena ,e realmente é bem dificil tratar dessas questões homossexuais,mas deixa eu te contar uma coisa,não precisa sair falando pra todo mundo q vc é gay,fala pra pessoas q vc confia e gosta, e q sabe q te aceitarão, e se vc soubesse o tanto de cara q tem por ai q vc jura de pé junto q o cara é hetero, e o cara acaba q é gay(Eu…rsrsrs), tem bastante mesmo cara, o q vc não pode fazer é ficar repreendendo sentimentos,porq faz sofrer, eu sei, eu passei por isso, e sabia q eu acho bobagem esse negócio de “culto da forma fisica”, todo mundo tem uma tampa pra sua penela, e no “mundo gay” tem muito ,de pessoas gostarem d formas diferentes tá, cada um tem um gosto, tem um fetiche com um tipo de pessoa, não tem essa d não ser estimulante,pode acreditar q tem alguém q te acha atraente,pois é,…e quando vc se aceita com um tempo vc ganha um “acessóriozinho” q é o gaydar,radar de reconhecer gays,não sei c vc ja tem! mas vai ser legal q vc reconhece caras q não parecem gays, mas no fundo são, com certeza tem na sua cidade uns caras q ninguém desconfia, mas é, ai vc pode fazer amizade com essas pessoas discretas, q talvez seja mais o seu estilo, e sei lá,tenta fazer umas viagens,passear,pela cidade grande,maiores, c vc tiver oportunidade,e tem sites de relacionamento gay (dicas:disponível.com.br e manhunt.com ) q vc pode se cadastrar e achar alguém da sua cidade,marcar encontro ,se tornar amigo dessas pessoas ,poder ,falar,desabafar, e pode falar aq no blog ,com os meninos ,com a gnt,leitores,participar nos comentários!!!! vendo de fora o mundo gay parece frio ,solitário,sombrio,mas só quando a gnt tá aq ,se ve q é bem mais animado e divertido do q parece, e tem muita gnt msm… é muito bom,quando vc se aceita!!! vivi os dois lados e vi q o mundo gay é bem mais legal q o mundo hetero,parado e chato…até esqueci o mundo hetero,aq é muito bom,fiquei por aqui msm…rrsrsrsrs…

    Desencana ,relaxa e goza(literalmente)…… rsrsrs

    bjs se cuida…

  2. hjoseph disse:

    Se aceite…. é um ótimo começo…

  3. Ritinha Lima disse:

    Olá NFL, seu relato por incrível que pareça não é único. Talvez você ainda não esteja confortável, pois demora mesmo para se aceitar, imagino que não seja algo fácil. Consigo me colocar em seu lugar, cidade pequena é um inferno, mas você não vai deixar de viver por conta disso! Pode ser discreto sem se anular, ficar preocupado com que os outros vão pensar ou não sobre você. Não vale muito apena, de qualquer forma vão falar, pois o diferente sempre atrai comentários.

    1-Você não é nenhuma aberração, então vamos buscar a melhor maneira de você conviver bem com sua sexualidade.

    2-Vocês nasceu gay, então tem tanto direito de existe como qualquer outra pessoa.
    3-Sua família, na TV tem alguns personagens gays, veja como eles reagem ao vê-los. Verdade que os personagens, não são lá gays modelo, mais caricatos, assexuados, não representam a realidade. Mas serve para avaliar o que sua família pensa sobre o assunto.

    4-Sobre amigos, caso seja um grande amigo, por que não contar? Talvez esteja precisando abrir para alguém mesmo, agora analise primeiro seu amigo, faça lá uma simulação sobre a possibilidade de ele ter um amigo gay, qual seria a reação dele? Ah, não fique muito nervoso seja bem natural, uma conversa descontraída ajuda.

    5-Seu corpo, não fique querendo ser um Evandro Soldati, mas você pode malhar, adquiri massa muscular, hoje tudo tem jeito. Você é tímido fica buscando uma solução no físico, lhe digo que todo mundo tem seu par, seja lá o bonito ou ‘feio’, magro ou gordo.
    6- O mais importante: seja feliz! Isso é fundamental. Ser gay não é o fim do mundo, imoral, aberração ou crime.

    Beijinhos e boa sorte!

  4. hjoseph disse:

    Quando vc c aceita fica tudo mais fácil,a maioria dos gays passaram ,ou vão passar por isso, e é bem dificil msm,eu sei,ja passei,de fora o “mundo gay” parece frio,solitário,sóbrio,ou muito doido ,mas daqui a gnt ve a verdade ,q é mais feliz e tem muita gnt e gnt legal, vc não precisa sair falando por ai pra todo mundo q vc é gay , fale apenas pra qm vc achar necessário, tem vários gays assim,quando vc se aceita vc vai se aprimorando,e reconhecendo outros gays discretos,por olhares,gestos,q só os gays sabem reconhecer outros gays discretos,.na sua cidade ai deve ter vários outros caras q vc nem imagina ser ,mas na verdade é,vc pode virar amigo deles,talvez seja mais seu estilo,nem todo gay é extrovertido,e super cool ,tem vários caras muito quietos por ai,conheço vários caras super discretissimos e legais, é muito sofrido vc ficar repreendendo sentimentos, e deixa disso de forma fisica e estéticamente muito estimulamente, beleza é relativo,cada um acha uma coisa, deve ter caras q te acham bem atraente,
    tente sair,viajar,passear, pra cidades grandes,capitais,se vc tiver oportunidade,conheça pessoas,msm na internet, tem vários sites de relacionamento gay (dicas:disponivel.com.br , manhunt.com,blogs ,foruns expecificos), q vc pode conhecer alguém da sua cidade, encontrar,virar amigo,namorar ,discretamente se vc preferir, pode falar por mensagens com pessoas experientes e resolvidas nesses e em outros sites, e aq como os meninos do blog, os leitores,participar nos comentários,trocar experiencias,desabafa com pessoas q te deem respostas msm na internet. A vida é curta, e é muito bom viver uma vida verdadeira e bem resolvida,não se engane,aproveita,é muito bom, se liberta,pensa no q vc está perdendo nessas paranóias,não viva uma mentira,escuta teu coração, se aceite e veja q vale muito a pena!!!

    Desencana,relaxa e goza (literalmente)….rsrsrs

    bjs se cuida…

  5. hjoseph disse:

    Quando vc c aceita fica tudo mais fácil,a maioria dos gays passaram ,ou vão passar por isso, e é bem dificil msm,eu sei,ja passei,de fora o “mundo gay” parece frio,solitário,sóbrio,ou muito doido ,mas daqui a gnt ve a verdade ,q é mais feliz e tem muita gnt e gnt legal, vc não precisa sair falando por ai pra todo mundo q vc é gay , fale apenas pra qm vc achar necessário, tem vários gays assim,quando vc se aceita vc vai se aprimorando,e reconhecendo outros gays discretos,por olhares,gestos,q só os gays sabem reconhecer outros gays discretos,.na sua cidade ai deve ter vários outros caras q vc nem imagina ser ,mas na verdade é,vc pode virar amigo deles,talvez seja mais seu estilo,nem todo gay é extrovertido,e super cool ,tem vários caras muito quietos por ai,conheço vários caras super discretissimos e legais, é muito sofrido vc ficar repreendendo sentimentos, e deixa disso de forma fisica e estéticamente muito estimulamente, beleza é relativo,cada um acha uma coisa, deve ter caras q te acham bem atraente,
    tente sair,viajar,passear, pra cidades grandes,capitais,se vc tiver oportunidade,conheça pessoas,msm na internet, tem vários sites de relacionamento gay (dicas:disponivel.com.br , manhunt.com,blogs ,foruns expecificos), q vc pode conhecer alguém da sua cidade, encontrar,virar amigo,namorar ,discretamente se vc preferir, pode falar por mensagens com pessoas experientes e resolvidas nesses e em outros sites, e aq como os meninos do blog, os leitores,participar nos comentários,trocar experiencias,desabafa com pessoas q te deem respostas msm na internet. A vida é curta, e é muito bom viver uma vida verdadeira e bem resolvida,não se engane,aproveita,é muito bom, se liberta,pensa no q vc está perdendo nessas paranóias,não viva uma mentira,escuta teu coração, se aceita e veja q vale muito a pena!!!

    Desencana,relaxa e goza (literalmente)….rsrsrs

    bjs se cuida…

  6. André Filipe disse:

    Me identifiquei bastante com essa temática. Hoje mesmo desabafei com uma amiga sobre a questão da auto-estima e desse “culto” ao corpo, tenho uma hipótese sobre isso, mas enfim…. como sempre, curti o post, embora esse finalzinho “outra coisa (…)” tenha me intrigado, depois de tocar em assuntos como aceitação e tudo mais, sugerir mudanças tão superficiais (com exceção para a intervenção cirúrgica, que acho uma das maiores imbecilidades criada pelo homem, e que, portanto, nem merece ser considerada) soa, pra dizer o mínimo, contraditório. Essa é uma questão delicada que tem que ser colocada com cuidado.
    Mas fora isso, eu realmente acho maravilhosos esses posts de contato direto com o leitor, adoro esse trabalho (me ajuda muito!!!) e isso ficou muito “morde e assopra”, mas juro que não era minha intenção, é só que o blog é muito bom para que eu julgue o todo pela parte.
    E Ritinha Lima, gostei dos pontos que você levantou (o 1, o 5 e o 6), são pensamentos para levar pra vida, na minha opinião!

  7. tipo sei muito bem o que NFL passa!!!
    ainda bem que existe internet

  8. Nossa Ritinha esse Evandro Soldati é um gato kk

  9. hjoseph disse:

    meninos deixem apenas o primeiro…. e tirem esse tbm de 6;46, é porq eu achei q não iria,ai mandei um monte de vezs

  10. Hey André, acho q vc entendeu ERRADO a minha resposta.

    Sou completamente a favor de nos amar do jeito que somos, aceitar nossos defeitos e tentar melhora-los, porém de uma forma ou outra, se a pessoa não se sente bem com seu físico e isso de alguma forma o impede de fazer determinadas coisas em sua vida, SOU A FAVOR de mudá-los. Mesmo que essas preocupações sejam superficiais [EU SEI QUE SÃO].

    Considero-me MAGRO DEMAIS, por isso vou malhar sempre que possível [a vida no trabalho é complicada as vezes], e se isso me faz ser mais feliz e aceitar mais o MEU corpo, porque não??? Faço por MIM, e não pelos outros esse tipo de coisa.
    Quanto a ir ao cabeleireiro, esteticista e outros locais, SOU A FAVOR tb. Vc deve me achar um superficial depois de ler esse post, mas pelo contrário, dou mais valor a outras coisas do que simplesmente aspectos físicos, mas que mudar algumas coisas em nós mesmos, msm q fisicamente, nos ajuda a superar outro tanto de coisas. Fato.
    Pode não parecer, mas isso ajuda MUITO na auto estima das pessoas, e pelo que o leitor nos conta, ele não está mto satisfeito com algumas coisas e se dá para ajudar, mudar… acho que se ele puder DEVE FAZER SIM.
    Quanto a operações plásticas: Não acho imbecilidade, ainda mais que muitas pessoas desenvolvem problemas psicológicos por conta de problemas estéticos.

    Só não acho que essas mudanças devem ser vazias. A pessoa não deve focar apenas nas mudanças físicas, mas na forma como se vê. Para isso eu falei sobre outras coisas, inclusive deixei mais 2 links para as pessoas lerem e entenderem um pouco mais sobre timidez, etc… E o leitor já passa por psicólogo, que já dá uma ajuda tremenda no lado psicológico, né???

    Obrigado por comentar, é sempre bom ouvir várias opiniões diferentes sobre o msm assunto. Continue comentando sempre que achar que falamos besteira, temos que mostrar para todos que dentro de um todo existem várias verdades.

    BEIJOOOS

  11. hjoseph disse:

    metira eu errei de novo,como eu sou burro ,EPRA DEIXAR O DE :.6;46 PM

  12. Ritinha Lima disse:

    Obrigada André Felipe!
    Olhe o rapaz está em conflito com tudo, sua sexualidade e seu físico. Então para ganhar ânimo, o Pê falou em soluções estéticas, no rosto, na pele, cabelo e no físico. Quando uma pessoa está assim tão confusa, ás vezes uma mudança superficial ajuda. Até por que ele fala sobre isso culto ao corpo. Ele não pode de jeito e maneira é resolver à vida dele somente esteticamente.

    O mais importante neste momento é buscar uma solução para que ele compreenda que ser gay não é nenhum bicho de sete cabeças. O mundo gay é cercado de mitos, propaganda enganosa. Cada um de forma individual tem que procurar seu meio, seus amigos, e tudo que possa lhe proporcional uma vida digna. É a questão maior! Ser feliz, alimentar bom conceito sobre si mesmo!
    Ele precisa entender que ser gay não faz dele um estranho, e não se preocupar tanto com os comentários do povo.

  13. Ritinha Lima disse:

    Everton, considero a perfeição de Deus, a criação de Edilson Nascimento, Evandro Soldati e o Kellan Lutz ..afe,Mariaa!

    Beijinhos meninos do blog.

  14. […] Peagá postou sobre Auto-estima AQUI, então, pode ser que o post dele também te […]

O que achou desse texto?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s