Caminho para o SUCESSO

Publicado: 17/08/2011 por @peagapenalvez em gay, Sexualidade
Tags:, , , , , , , , , , ,

Este é o segundo e-mail que mando para o blog. Gosto muito das respostas que vocês dão e geralmente me sinto mais confortável. Ultimamente tenho me sentido mais confiante e com menos medo de falar sobre homossexualidade. Antigamente eu simplesmente me calava ou fingia não escutar.

Nessas férias voltei para minha cidade e durante uma conversa com alguns amigos, uma amiga me disse que achava errado a Globo mostrar tantos gays na novela das 11 e que isso poderia “incentivar” as crianças. Eu respondi a ela que isso era um absurdo que ninguém descide se tornar homossexual, a pessoa  simplesmente nasce sendo gay. E que se uma novela tivesse tanto poder sobre a sexualidae das pessoas então não existiriam homossexuais pois até pouco tempo atrás não existiam casais gays em novelas.

No final das contas ela acabou concordando um pouco comigo. Mas o motivo real de estar escrevendo essa e-mail foi uma conversa que eu tive com um amigo de infância . Sempre o considerei como sendo meu melhor amigo, conheço o cara a uns 16 anos (tenho 23), ele é como um irmão para mim e eu nunca o vi com outros olhos. Em uma mesa de bar ele me disse que se um amigo dele se assumisse e falasse que era gay ele se afastaria na hora, ele disse que iria compreender mas iria manter distância e que a amizade acabaria. Perguntei se ele falava sério e ele confirmou.

Fiquei sem palavras, queria discutir mas fiquei com medo, me veio uma tristeza e um desespero. Resolvi então ir ao banheiro para me acalmar um pouco. Depois de pensar muito compreendi que isso não deveria me abalar, eu sei que não sou totalmente feliz e também sei que mereço tentar ser feliz. No momento eu não sei se devo me afastar dele aos poucos para tornar as coisas mais fáceis ou se deveria continuar ao lado dele e ver se o que ele disse não muda pelo fato de ele me conhecer a tanto tempo. Do jeito que as coisas estão eu acabarei saindo do armário bem antes do que eu esperava (queria sair após me formar, mas ainda falta muito, pelo menos mais 3 anos…) e gostaria de manter o maior número de amigos possíveis.

Obrigado pela atenção.

Lok, via E-mail

Peagá Peñalvez responde:

Olá LOK, ficamos super agradecidos por mandar outra dúvida/desabafo seu. Não há limites de e-mails que você possa mandar, por isso sempre que tiver uma dúvida e não tiver a quem recorrer, ou precisar de um conselho de alguém de fora do seu círculo de amizades, CONTE CONOSCO e PARABÉNS por ter mais confiança em si. É isso mesmo, você está no caminho certo.

Sobre amizade: Quando tinha a sua idade também tinha medo de que as pessoas descobrissem que eu era gay, se afastassem e ficasse sem amigos, mas aprendi que AMIGOS [aqueles com letra maiúscula] são aqueles que nos apoiam, nos respeitam e nos amam, independente se pensamos como eles ou não. Dentro de meu grupo de amigos há vários que não pensam como eu, mas nos respeitamos acima de tudo. E quando digo que não pensam como eu, nem falo sobre sexualidade porque tenho diversos amigos heteros, e são meus amigos mesmo assim.

Vocês se conhecem há muito tempo, 16 anos não é uma amizade qualquer. Acho que ele falou isso meio sem pensar. Não se afaste dele, isso seria covardia da sua parte, enfrente tudo de frente. Por mais que ele se afaste depois que você contar que é gay, você ainda dará oportunidade dele escolher se prefere ser seu amigo ou se afastar. Essa decisão não cabe a você e sim a ele tomar. De repente ele pode te surpreender.

Quanto a assumir sua sexualidade: Assuma quando tiver certeza que é o melhor a se fazer. Pense em diversos pontos sobre sua vida, desde as pessoas aceitando bem e te respeitando independente de sua sexualidade, até a problemas com família. Tenho sempre um Plano B caso as coisas não ocorram como você espera.

Beijos e Parabéns novamente por vencer a timidez e ter coragem para abordar o tema homossexualidade. Um passo de cada vez para chegar no objetivo funciona SEMPRE.

Ou clique AQUI

comentários
  1. Leandro disse:

    Esse ano eu passei por algo parecido.

    Somos amigos já a uns 8 anos, e ele é um cara que me identifico bastante, admiro e confio, sei que é uma amizade que eu quero levar para todo o sempre, por esse motivo eu decidi conversar com ele e me assumir, pois preferia que ele soubesse assim do que se ele visse com os próprios olhos, ou descobrir de outra pessoa etc.

    Certo dia, chamei ele pra dar uma volta num shopping, somente agente, conversamos, batemos um papo trivial numa tarde de sabado. Eu estava com ares de despedida já. Entramos numa mega livraria onde havia uma caféteria muito boa por sinal. Papo vem papo vai, ele me indagou, “e ai, o que você queria me dizer de tão importante?”

    Fiquei nervoso porque eu não queria perder aquela amizade de jeito nenhum, não queria que nada mudasse entre agente, morri de medo, foi talvez o dia em que mais fiquei nervoso na vida.

    Ele percebeu meu nervosismo e felizmente a reação dele diante da revelação foi a melhor possivel. Notei que a nossa amizade depois disso fortaleceu mais do que nunca. hoje não tenho o carinho de amigo com ele, tenho de irmão mesmo, uma pessoa que posso contar em qualquer dificuldade que passar, me considero um cara extremamente sortudo.

    Nos não devemos achar que todo mundo precisa nos aceitar como somos de primeira, até porque, se até nos mesmos temos dificuldade de nos aceitar, imagina quem vê de fora.

    Precisamos ter paciência, contar pra quem merece e ter um porque de fazer isso.

    Boa sorte ao amigo.

  2. Nemo disse:

    Tenho um amigo q se diz homofobico (mas ele não é gay, ja testei) tenho a impressão q é ate a mesma historia (impressionante!)

    ele tbm tem um amigo q gosta muito e são como irmãos e é claro q esse super amigo dele é gay. porem ele contou tudo e o meu amigo homofobico disse “Nossa amizade não mudou nada, ele nem pareçe ser gay”.

    e é isso to sem animo pra escrever, foi mals…

O que achou desse texto?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s