Posts com Tag ‘processo’

)))Oi o io, minha gente!

To de volta, depois de quase surtar tentando conciliar o trabalho e a faculdade, semana de provas, entrega de TCC, muita emoção, só que não. Daí deixei a Peagata sozinha e abandonada, postando por aqui… Enfim, VAMAS ao que interessa:

Desce a barrinha da felicidadjean aewwwww!

1))) Torcedores do Corinthians são maioria na Parada Gay de SP, diz Datafolha

Imagem: blog begad 1105

*LINDAS! Se bem que tem gente que leu isso e pensou: “Foda é que não dá pra saber se eram todos gays ou se tavam batendo as carteiras das gays”. Não me comprometo… Mas também não sei responder.

2))) Namorar engorda mesmo e estudos comprovam, diz médico

Foto: Domínio Jovem

*Essa é pra quem passou o dia dos namorados sozinho, abandonado, sem presentes e sem sexo a luz de velas. PONTO PRO TIME DOS SOLTEIROS. Dale magras!

3))) Jason, Sam e Eric peladões na premiere da 5ª temp. de  True Blood

*PFVR que todo episódio seja assim. Que o Eric se torne um tarado e transe com mulheres e com homens também (primeiro comigo) como ele fez ca mulher dentro do container. SUEI GLITTER EM GEL ROSA COM AQUELA CENA.

1))) Maluf aparece em lista internacional de corrupção

Foto: Tiago Queiroz/18.01.2011/AE

*Maluf aparece DUAS vezes na mesma lista, por dois esquemas diferentes. Mas, segundo o Assessor de Imprensa do político: “Paulo Maluf não tem nem nunca teve conta no exterior”. HAHAHAHA. Que coisa , né! Tadjeanhu do Maluf, o nome dele apareceu do nada nessa lista. (SÓ QUE NÃO). Conta TUDO pra Malu Mader, Malufinho. #AJusticeira

2))) Dr Rey paga mico na SPFW com camisa de R$2.000, mas se acha estiloso!

Fotos: AgNews

*Ui, peitinhos à mostra: GLAMOUR, FaMA, Xuxexo. Só que não, DR. Rey. Você é MOINTON EXTRANHUM. Olho pra tua cara e penso: essa mulher casada contigo recebe quanto por mês pra fazer o vibrador funcionar…em ti?

3))) Atriz de “Gossip Girl” ganha processo contra a própria mãe

Foto: Getty Images

*Leighton Meester, a Blair de GG, teve que processar a mãe porque ela desviava o dinheiro que a atriz enviava para o irmão doente e o usava em cirurgias plásticas, aplicações de botox e implantes de cabelo. Leighton mandava mensalmente mais de R$ 15 mil para cobrir as despesas médicas dele e a véia doida pegava pra gastar no salão. FODA.

))))))))))))))))))))))))))))

)))))))))))))Por hoje é só, pessoal!

Resumão:

A vida é difícil, por isso precisamos de momentos para relaxar, então clica no play e não pense em nada, se conseguir não pensar:

Pois é. Se nem isso te mostrar como a vida é bela! Relaxe, não arrange brigas por aí. Vai que por arrumar confusão você vira um novo sabor de farofa…

))) Beijas, me desafia no Song Pop! (Vô sambar na sua cara em diversos ritmos. Traaa!).

L^^e!))).

Fontes: Folha, G1, R7, F5 e Superherofan.net.

Por Peagá Peñalvez 

Sul América Cia Nacional de Seguros terá de pagar a um funcionário R$ 50 mil por danos morais, após ele ter sido xingado de “viadinho” na frente dos colegas de trabalho pelo gerente da empresa.

O juíz constatou preconceito por parte do superior e disse: “É evidente que os atos reiterados do gerente, no ambiente de trabalho, ridicularizando o subordinado, chamando-o pejorativamente de ‘viadinho’, revelam discriminação, preconceito e desprezo em relação à pessoa do acionante e, assim, certamente afetaram a sua imagem, o íntimo, o moral, resultando em prejuízo moral que deve ser reparado.”

Pessoas próximas ao funcionário disseram que esse xingamento era usado com frequência pelo superior. Agora quem sabe ele não aprende??? Espero que ele ainda não continue trabalhando na empresa, né???

A Rede Record de Televisão e o apresentador Marcos Mion estão sendo processados por uma ONG, que não teve o nome revelado, segundo informações da coluna da jornalista Mônica Bergamo, da Folha de S. Paulo, publicada nesta terça-feira (31/5). O motivo da ação contra o canal e o comandante do Legendários é prática de homofobia.

De acordo com a ONG, que move a ação judicial, o apresentador e a Record foram homofóbicos em comentários sobre a drag queen Nany People, ex-participante do reality show A Fazenda. Na ocasião, Mion fez alguns questionamentos do tipo “O que ela faz com o pacote?” e afirmou que a drag tem uma “surpresinha”.

Procurada pelo Comunique-se, a direção da TV Record, por meio da assessoria de comunicação, confirma que está sendo processada por uma entidade, mas que não entende o motivo, pois a própria Nany People não reclamou da brincadeira. O canal também declara que Mion não teve práticas homofóbicas.

Não houve ofensa. O que teve foi o pleno exercício da liberdade de expressão”, garante a emissora

Fonte: Comunique-se

Peagá Peñalvez comenta:

Não gosto de alguns tipos de brincadeiras que alguns comediantes e apresentadores [metidos a comediantes] tem o costume de fazer. Acredito que eles SEMPRE criam personagens esteriotipados do gay, o que foge um pouco da verdade, não é mesmo querido leitor??? Ou TODOS s gays que você conhece são aquelas bilus loucas???

Acho bacana essa ONG entrar com processo em cima deles. Ok, nem curto o Marcos Mion [#prontofalei], mas nem é por isso que torço pelo processo, mas para que de uma forma ou outra parem de usar esse tipo de caricatura bicha louca tresloucada para personagens gays, e piadinhas infames. A Nany People não ficou incomodada com o fato porque pleiteia algum tipo de trabalho na emissora, ou porque não ligou mesmo???

Acho que essa ONG deveria processar a emissora por tantos outros tipos de preconceitos que ela faz, não especificamente por esse, né???

Follow @peagapenalvez

Um casal de homossexuais está processando a Ofner, uma das principais redes de docerias de São Paulo, por homofobia praticada por seus funcionários. A informação é da coluna Mônica Bergamo publicada na edição desta segunda-feira da Folha (a íntegra do texto está disponível para assinantes do jornal e do UOL).

Ao se abraçar, o casal teria sido repreendido por um segurança da empresa, que teria dito que ‘isso aqui é lugar de família‘ e que ‘dois homens se pegando é coisa de bicha‘.

O porta-voz da Ofner disse que essa não é a atitude da empresa e que a rede orienta os funcionários a não questionar qualquer comportamento dos clientes.

Fonte: Folha

Peagá Peñalvez comenta:

Bem feito, levou processo por conta da falta de treinamento dos funcionários. Este tipo de treinamento deveria ser feito em todas as empresas “Como atender as minorias“, aposto que a Ofner não precisaria enfrentar este processo. Eu trabalhei durante muito tempo em loja e sei que tratar bem o cliente é primordial para as vendas, mas acho que as pessoas as vezes esquecem disso, e pensam que o cliente existe para satisfazer a loja e não o contrário.

O que me deixa mais estarrecido é que se fosse um casal hetero se pegando e quase se comendo dentro da Ofner, o funcionário não iria falar nada, ou seja, ISSO É HOMOFOBIA SIM. Porque se ele agiria normalmente com heteros deveria agir assim também com o casal gay. Pensam que os gays são os mesmos de ontem. Queridjeeenhos temos que mostrar que não temos medo de homofobia.

Agora, o que me admira é uma empresa do porte da Ofner e com os seus preços [que não são nada medianos] tratar assim sua clientela, ainda mais os gays que sabemos são pessoas geralmente com poder aquisitivo um pouco maior que a grande massa, e que gastam em diversas coisas, principalmente com artigos de luxo, e os chocolates e doces da Ofner SÃO UM LUXO e deliciosos.

Espero que este seja um caso isolado e que a moda não pegue, porque vai ser processo atrás de processo.