Plano contra violência e homofobia nas escolas

Publicado: 25/09/2012 por @peagapenalvez em Notícias
Tags:, , , , ,

Plano contra violência e homofobia nas escolas - Gays Gostam

O Ministro da Educação, Aloízio Mercadante, e o presidente do Conselho Federal de Psicologia, Humberto Verona, assinaram um convênio para a criação de um plano contra a violência e homofobia nas escolas brasileiras. A parceria foi firmada durante a cerimônia de abertura da 2º Mostra Nacional de Práticas em Psicologia, em São Paulo.

Esperamos com esse convênio um trabalho intenso em toda a rede, comtrabalho de campo, para o desenvolvimento de políticas para uma escola acolhedora, uma cultura de paz, tolerância, convívio com as diferenças, com a pluralidade sexual, racial, religiosa, que enfrente o preconceito e a discriminação e coloque a escola pública em outro patamar e prepare o país para essa nova era do conhecimento‘, disse o ministro

Ano passado, por conta da pressão de líderes religiosos, o governo recuou quanto ao lançamento do Kit Anti Homofobia e era composto por vídeos, imagens, cadernos de orientação aos docentes entre outras coisas mas a presidente Dilma Roussef disse que não gostou de um dos vídeos elaborados e cancelou seu lançamento. Na realidade eu acho que ela realmente ficou com medo da bancada evangélica, mas ao que tudo indica será lançado realmente algo que proteja nossos jovens gays nas escolas.

O Ministro completa: ‘Precisamos fazer uma pesquisa mais aprofundada e cuidadosa sobre como construir  um diálogo que respeite a diversidade em todas as suas formas, a pluralidade. Vamos ter que estudar mais a fundo a homofobia e como dialogar [com os setores da sociedade], porque o enfrentamento direto, eu acho que não vai ajudar. Simplesmente lançar um material didático, produzir um vídeo e lançar na escola, isso não vai resolver‘.

Realmente só isso não acabará com a homofobia no país, até porque os fanáticos religiosos não deixarão que isso aconteça e continuarão a disseminar seu ódio e intolerância contra nós, mas já é um passo para que pelo menos as gerações futuras possam aprender que ser gay é tão natural quanto ser hetero.

O que achou desse texto?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s