Arquivo de fevereiro, 2011

“Cansei de sofrer por amor. Acho que vou virar Trans. Os gays são uó!”

Anônimo

Leandro Madness Responde:

)))Nossa, realmente! Alguns gays são uóh. Mas são homens. E mesmo que você faça a tal da mudança de sexo, vai continuar a se relacionar com homens. A não ser que você corte o pinto e resolva ter vagina pra virar lésbica. Daí são outros quinhentos (O que também não te assegura contra sofrimento por amor).

Essa coisa de ser Trans ta na moda por causa da Lea T. e da Ariadna do BBB11. Mas não é brinquedo não. Pra fazer isso a pessoa tem acompanhamento Médico e Psicológico.Tem que tomar hormônios que modificam o corpo radicalmente. A pessoa vira um Frankstein antes de fazer a cirurgia pra transformar o Pênis em Vagina.

Deve doer horrores!!!

)))Espero que você esteja apenas fazendo uma piadinha. Porque  mudar de sexo por estar cansado de sofrer por amor é um péssimo sinal. Fora que não irá conseguir a autorização pra mudança de sexo por causa disso. Sim! É preciso autorização Médica e Psicológica pra fazer a cirurgia. Vai achando que é só ir no Barbeiro cortar as partes fora e pronto. É preciso ficar provado que seu cérebro é feminino e que você é realmente uma mulher no corpo de um homem.

O foda é que as mulheres que viram homens não têm a sorte de ter um Pênis que funcione direito numa relação sexual. Agora os homens que viram mulheres sentem prazer ao ter um Pênis penetrando a Vagina construída cirurgicamente. Coisa de doido, né?

Mais doido ainda é como se dá esse processo todo. Confira aqui no Infográfico da Revista Super Interessante  a “Versão Light”de ambas cirurgias.

)))Depois dessa você vai até parar de fazer essa piada, né?

Bjuxxx,

L^^e!))).

Ou clique AQUI

Capitão do Exército, o deputado não reconhece a legitimidade da discussão sobre direitos dos homossexuais

ÉPOCA – Como vê a criação da Frente Parlamentar pela Cidadania GLBT?
Jair Bolsonaro – O primeiro passo para desgraçar um país é mexer na célula da família. Eles vão atacar agora o ensino fundamental, com o “kit gay”, que estimula o “homossexualismo” e a promiscuidade. Tem muito mais violência no país contra o professor do que contra homossexuais. Quando eles falam em agressões, é em horário avançado, quando as pessoas que têm vergonha na cara estão dormindo. A regra deles é a porrada e querem acusar nós, os normais, os héteros.

ÉPOCA – O senhor não teme estimular a violência com essa retórica?
Bolsonaro – Negativo. Só quero que a opção sexual se revele na intimidade do quarto, não obrigar um padre a casar um gay. O bigodudo vai dar um beijo na boca do careca, na frente dos convidados, e isso é legal?

ÉPOCA – Como vai ser o diálogo com o deputado Jean Wyllys?
Bolsonaro – Vou ter atrito com ele no campo das ideias e dos projetos, que vamos fazer de tudo para enterrar nas comissões. Se depender de mim, e de muitos outros, não vai para a frente. Em nome da família e dos bons costumes. Eles vão querer o quê? Vamos colocar um espanador na orelha? Vão vender os serviços de “homossexualismo” deles, é isso?

ÉPOCA – Se a homofobia virar crime, o senhor vai parar de criticar os gays?
Bolsonaro – Tenho imunidade para falar. Não vou medir palavras. Eu defendo a pena de morte, que é mais grave que criticar homossexual. O pessoal me chama de retrógrado, dinossauro, mas a verdade é que o Brasil está piorando desde o fim do regime militar.

Fonte Revista Época

Peagá Peñalvez comenta:

Esse cara simplesmente me dá nos nervos. Eita deputado de araque que nem sabe das coisas.

A normalidade é ser hetero??? Onde você leu sobre isso??? Sabe que a partir do momento que você nos chama de anormal, isso pode ser considerado ofensa, injuria e difamação??? Desculpa, mas nem dos deveres você manja, o que dirá dos direitos. Acorda e vai estudar.

Segundo, os gays não pretendem casar na igreja. A nossa luta, é para ter reconhecido um DIREITO que QUALQUER CIDADÃO TEM, o de casar com quem quiser. Independente de ser uma união entre pessoas do mesmo sexo, o estado deveria realmente dar esse direito a todas as pessoas. Desculpe, mas quando eu achar uma pessoa com quem eu queria casar, a coisa vai ficar preta, porque realmente vou entrar com um processo contra a União. Se todos somos iguais perante a lei, então significa que EU POSSO CASAR COM QUEM EU QUERO. Independente de qualquer coisas, o estado tira o meu direito de escolha. Então… processo. E estou falando sério quanto a isso.

Outra coisa seu BOLSONARO, se a pessoa compareceu ao casamento, significa que ela no mínimo respeita a orientação sexual do casal no SUPOSTO altar. Então, se o bigodudo der um beijo na boca do careca, FODA-SE. Entendeu???

Quer saber um pouco mais sobre a homossexualidade Sr.Deputado? Clica AQUI.

Peagá Entrevista Claudio Nanti

Publicado: 27/02/2011 por @peagapenalvez em Diversão
Tags:, , , , , , , ,

Claudio Nanti é uma grande personalidade na noite paulistana, ex-promoter e atual produtor de festas, está nessa vida faz um bom tempo, alcançando SUCESSO atrás de SUCESSO.

Uma das figuras da noite gay que eu mais gosto. Nem sei há quanto tempo nos conhecemos, só sei que faz muuuuuuito tempo.

Como você começou a trabalhar com a noite LGBT?
Foi em 1.999, tudo foi muito por acaso, comecei dando uma força pra um amigo meu que divulgava a MAD QUEEN lá no autorama, o Daniel Martins, você deve lembrar dele né? ( risos ) Pois então, ele acabou curtindo o jeito despojado com que eu falava com as pessoas e me colocou pra divulgar oficialmente a balada. A data oficial é 07 de Setembro de 1.999. Não me esquecerei nunca desse dia ( risos ).

Você é um dos mais antigos promoters de São Paulo, e consequentemente o mais conhecido. Como é lidar com essa popularidade? São festas todos os dias da semana?
Não sei dizer se sou o mais conhecido, pois ainda temos aí no mercado o Cássio Sampaio e, é claro, o Roví, mas acredito que a grande diferença entre nós 3 é que faço questão de sempre manter contato direto com o público, acredito que só assim eu poderei saber exatamente o que as pessoas querem e procuram no que diz respeito a baladas. E além do mais, meu foco agora é deixar de ser um promoter para me tornar um Produtor de Festas, pois existe diferença entre um e outro sim ( risos ). Quanto a popularidade, bem, tem seus prós e contras, os prós é receber o carinho das pessoas sempre. O “contra” é o público achar que eu vivo em constante clima de festa, o que não é verdade. Também tenho minhas crises de depressão, também acordo de mal humor, tem dias que não quero ver ninguém… etc etc. Mas por respeito as pessoas que prestigiam o meu trabalho, me predisponho a sempre responder com alegria, simpatia e carinho a todos, SEM DISTINÇÃO.
Quanto a festas todos os dias, nem me jogo tanto quanto antes, dificilmente vou a uma balada pra me divertir, se me encontrar em uma balada, com certeza é para avaliar algo. Seja o set de um Dj, o público, como é o funcionamento do bar, o atendimento, a rotatividade das pessoas, que horas a galera começa a dispersar, enfim, vários pontos e detalhes que devem ser observados numa balada que muitas vezes a passam desapercebidas por muitas pessoas e até mesmo outros produtores.

Fiquei sabendo que você vai tirar uma férias de uma semana. Podemos saber para onde vai?
Ah foi uma delícia! Passei 07 dias completamente OFFLINE de tudo e de todos. Não acessei internet, não ouvi música, não assisti televisão enfim, fora de tudo. Para mim foi como um “retiro espiritual ( risos ). Agora, onde eu me escondi é segredo ( risos ).

Quais as casas noturnas que você já trabalhou?
Eita, muitas mesmos, entre casas noturnas e label parties (festas) foram mais de 35. Dá uma olhadinha na lista completa ( risos )

CASAS NOTURNAS que eu já promovi: Mad Queen, Camaleão litoral, E.MALE Club, MASSIVO, ULTRALOUNGE,  Level Club, Puerto Livre, G Club, Redj, Bubu Lounge, Sogo Mix Club, Freak Club, Shelter Club, MAIS Club, Shoock Lounge, FIFTH Club, REVERT @ Aloca Club, ULTRA Diesel, Cantho Club e Flexx Club.

FESTAS que já promoví: Carnaval do Basfond, HYST3RIA @ Ultralounge, SUMMER POOL PARTY, CLUB COOL,  MONDAY PARTY,, After-Hour * UltraDiesel, MEGGA Flexx, Carnaval É MARA @ FLEX, CANDY Party, JUNGLE Party, I love RIO @ Flexx Club, MONDAY PARTY, CODE After @ Code Club, EJECT @ Nefertitti e LE BLANC.

Você tem uma festa em sociedade com o Luiz Netto, que também é um grande produtor de festas. Como vocês se conheceram? Como surgiu a idéia da Selection Party?
Eu e o Luiz Netto nos conhecemos na FREAK Club, onde ambos éramos divulgadores. Aos poucos fomos nos aproximando, demorou um pouco porque eu morria de preguiça dele ( risos ). A Selection Party já tinha um ano de vida, e ele que idealizou a festa, inclusive a festa do 1º ano de vida do selo foi na Freak, e foi a primeira Selection Party que eu promoví.

Com o tempo fomos nos tornando mais que colegas de trabalho, ou patrão e empregado, já que por 3 anos seguintes eu fui contratado por ele para promover/divulgar a Selection Party que um tempo depois passou a ser também assinado pelo Eddy Bebiano. Com o falecimento dele, o Luiz Netto passou mais um tempo assinando sozinho, e apenas em 2009 eu comecei a ter uma porcentagem na festa que foi aumentando conforme meu trabalho dava resultados. Até que na 2ª edição de 2009 realizada no Club ICE, foi oficializada a sociedade e eu passei também a assinar os flyers como “convida”.

À partir daí a Selection passou por várias reformulações no seu formato, a principal delas foi que não teríamos mais “temas” e sim “conceitos de festas”, como por exemplo o “Feel The Vibe”. A festa cresceu e hoje é o que é. Acredito que a sociedade Luiz Netto & Cláudio Nanti é um círculo que se completa, ele atinge uma tipo especifico de público eu atinjo outro e assim os 2 agregam cada um a sua maneira para que a engrenagem funcione.

O que é a Selection Party?
A Selection Party é uma label party ( selo de festas ) itinerante, ou seja, não tem local fixo para acontecer, ela já passou e vai passar por diversas casas noturnas de São Paulo. Ela não procura atingir um público especifico em si, nós buscamos sim com a festa levar diversão e a melhor vibe para quem estiver disposto a sentir. Cada edição é cuidadosamente pensada para atiçar determinadas reações do público, e esse trabalho gira em torno de tudo: flyer, lineup, show, local da festa, decoração etc. Até porque, tanto pra mim quanto para o Luiz Netto produzir uma festa vai além de pegar um local, colocar um dj de casa noturna conhecida e um flyer com um boy semi-nu. Ser produtor é muito mais que isso.

Para mim a Selection Party é a realização de um sonho. Por anos desejei fazer as coisas jeito que eu acreditava ser o correto, pois vi muitas casas noturnas e produtores fazendo festas e noites cada vez mais erradas, pensando apenas no lucro ou até mesmo no seu gosto musical. Desculpa, não é assim que funciona, fazemos festa para o público e para nós. Minha maior preocupação sempre é e sempre será agradar e tratar cada vez melhor o público que prestigia a Selection Party. Afinal, é ele que sustenta a empresa Selection Party, que possui pessoas que dependem dela ( djs, promoters, divulgadores, gogo-dancers, designers, e todo o staff que está sempre ao nosso lado.) portanto, respeito é o primeiro item que eu e o Luiz Netto levamos em conta ao criar um nova edição.

Há pouco tempo o dono de uma casa noturna que você trabalhou barrou a sua entrada na mesma. Conte-nos o que aconteceu.
Ah, este é um assunto que eu gostaria de esquecer pois fiquei bastante chateado com a proporção que as coisas tomaram. Minha intensão nunca foi prejudicar ninguém ou casa alguma, acredito que cada um direito ao seu espaço. E não acho que as pessoas deveriam deixar de frequentar a Flexx Club só porque não estou mais lá, cada um deve ir onde se senti bem recebido ou onde acha que a vibe é melhor. A escolha sempre deve ficar a critério do público.

De quais outro projetos você participa? Tem algum projeto futuro em mente?
Como minha intensão é ser cada vez menos promoter e cada vez mais produtor, atualmente me dedico a promover a TOTS, matinê da Bubu lounge que é uma noite que eu adoro pois me sinto em casa e principalmente à SELECTION Party que no ano de 2011 se torna um GRUPO que administra vários outros projetos, como o TWIST After, a 2gether e outros que estão por vir.

Quanto a projetos futuros, bem, solidificar ainda mais a marca Selection Party é o principal deles, para que daqui a 2 ou 3 anos eu possa finalmente me aposentar, afinal, já são quase 12 anos nessa vida ( risos ).

Já pensou em organizar Pool Parties?
Já pensei sim, mas este tipo de festa demanda um imenso investimento financeiro pois o produtor tem que entrar com absolutamente tudo. Equipamento de som, iluminação, infra-estrutura total. E para mim, atualmente o mercado da cena gls não está tão garantido assim para que se invista altos valores em uma Pool Party. Não acho que seja a hora para Pool Parties. Me contendo produzindo edições Day Parties da Selection ( risos ).

Responda. Do Que Os Gays Gostam?
Os Gays gostam de serem tratados com o respeito, a consideração e o carinho que todo ser humano merece. Os Gays gostam de tudo que denote alegria e bem estar. Os Gays gostam de se sentirem amados e queridos, pois acredito que amam com muito mais intensidade que os outros e merecem receber o mesmo. Tudo na vida tem que ser recíproco e respeito a nossa condição sexual é o principal no que diz respeito a reciprocidade.

Leia mais sobre o Claudio Nanti AQUI em seu blog. Sigam NOW @claudionanti

)))Oie!

Preparado(a) pra subir e descer como nunca com o RapiDJeeenhaX de hoje?

Mas antes disso, cante comeeeego: Choooorando se foi, quem um dia só me fez choraaarrr! Chorando estará, ao lembrar de um amor que um dia não soube cuidaaar!!

Agora sim, vai descendo a barrinha a felicidade aew:

1))) Lenny Kravitz gravará filme no Brasil em Abril

*Junto com Rodrigo Santoro! Eles serão um grupo de cegos que sai pelo mundo se aventurando. Dizem que os cegos são trabalhados na pegada forte. Então, vou tatuar meu corpo inteiro em Braile pra eles poderem me ler.

2))) “Ela pode ser a próxima Madonna se souber agir certo, mas eu estou ficando cansado dela”, disse Ozzy Osbourne sobre Lady Gaga

*”Ela deve sumir por um tempo”, completou o cantor. Isso Ozzy! Também acho que ela deve passar férias em Marte e voltar renovada de lá. Ruim é que até os marcianos devem saber cantar Poker Face, Telephone e outros hits… Anonimato pra Gaga? Nunca!

3))) Fantasia de soldado do Bope vira hit no Rio

*O menininho ficou um luxo sem fim na fantasia de Carnaval! Mto fofo. Mas eu prefiro a versão adulta que a gente compra em Sex Shop mesmo. De preferência com o boneco inflável do Wagner Moura. (Aloka!)

4))) Estreia filme da Bruna Surfistinha

*Minha mentora e apóstola! Verei esse fim de semana mesmo. Ainda mais com a quenga chefe, vulgo, Débora Secco, que ta gostosa pra porra na novela das 9 (Ui! Sai de mim HT, sai!).

5))) Foi ao ar a entrevista da Lea T. na Oprah

*Go go Lea! Menos um Leandro no mundo pra concorrer comigo! Agora falando sério. Admiro a força de vontade dela e sinceridade. Ela realmente está assustada com a cirurgia. Vai dar tudo certo fia! Sucesso!

6))) Jude Law passará o Carnaval no Rio

*Ele está solteiro na marola e passaráo Carnival no camarote de uma cerveja! Vamos rezar pra ele ficar louco e nú na avenida? SIM! (Quem será a pirigueti brazuca que vai pegar o cara?)

7))) Mila Kunis será bruxa em refilmagem de  ‘O Mágico de Oz’

*Acho digno! Depois de vê-la em “Cisne Negro” acho que ela fará uma ótima bruxa!


1))) Luan Santana exige 15 seguranças para desfilar na Grande Rio

*Ui! Não me toque. To gordinho, sou vesgo e  rica. Não quero me misturar com a plebe, só quero realizar meu sonho de rainha da bateria sossegada. Bjs.

2))) Freira é expulsa de convento na Espanha por ter Facebook

*Tadinha! Ela tinha 600 amigos na rede social! Fez um Face eqto digitava arquivos pro convento. Estava reclusa há 35 anos lá. Vou adicioná-la em Cristo! Certeza!

3))) Chris Brown mais perto de Rihanna

*A Justiça suspendeu a decisão que impedia ele de se aproximar dela. Rihannnets não tem objeção contra a decisão. Aposto que o próximo single dela será a regravação de “Dói um tapinha não dói, um tapinha não dói, um tapinha não dói. Só um tapinha!”.

4))) Goleiro Bruno é autorizado a treinar na cadeia

*Ele tem bola, meiões e chuteiras para treinar. Os resto dos presos jogam futebol com a cabeça decepada dos que morreram nas rebeliões. (Aloka!). São todos iguais, mas um são mais iguais que os outros, né? Vai entender…

5))) Aeroportos podem ter ‘puxadinhos’ para a Copa

*Vergonha em Cristo! Enrolaram até agora e não vai dar pra fazer o serviço decente que tem que ser feito. Vão dar o ‘jeitinho’ brasileiro. Juro que vou assistir os jogos de Burqa. Vergonha de ser brasileiro nessas horas.

6))) Amy Winehouse tem aulas de Balé particulares

*Ela está fazendo aulas em casa para ficar mais ‘flexível’. Gente! Por favor! Alguém tira fotos dela com o figurino rosinha e coque com redinha no cabelo? Acho que o Boxe tem mais a ver contigo, Amy! Não faz aloka!

7))) Lilo será julgada por roubo de jóia

Ta aí no close a Gargantilha que a danada roubou. (Anta, né?)

*Ai G-suis! A jóia custava US$ 2.500. Pobre! Essa daí não tem mais jeito. Alguém manda com passagem só de ida pra Líbia.

))))))))))))))))))))))))))

)))))))))))))))))))))É isso aí pessoal! Por hoje é só.

Resumão:

Vários gostosos internacionais virão ao Brasil nesse primeiro semestre. Amy e Lilo continuam loucas. Bruno tem regalias na cadeia. E o resto só ‘sifú’. Luan Santana provou que é mais que a Madonna com varias exigências para um simples desfile. Bruna Surfistinha está na telona. Até o Ozzy ta de saco cheio da Lady Gaga e uma freira foi expulsa de sua ordem por ter contato com o mundo externo ao usar o Facebook. Ou seja, o mar não ta pra  qualquer tipo de peixe. (Mas ta pra piranha!) O jeito é lambar! Dê o play e se jogue!


Bjxxx

L^^e!))).

Fontes: Jornais Destak SP e Metro SP; Youtube; Google Images e Site Extra

MAXturbação Mental #19

Publicado: 26/02/2011 por Max Castro em MAXturbação Mental
Tags:, ,

Chegou a hora de mais um pedaço do conto.  Espero que estejam gostando. [PARTE1] [PARTE2] [PARTE3] [PARTE4] [PARTE5]

Continuação…

Será o namorado dos meus sonhos?

 

Nos despedimos e eu fui para a minha casa.  Já era tarde e eu não queria estragar aquela noite perfeita que tivemos.

No caminho fui pensando em tudo o que tinha acontecido e em como tinha sido tão perfeito.   Demais até!  Finalmente os Deuses resolveram me dar uma chance.  O universo conspirava a meu favor.

Sempre me relacionei com pessoas complicadas, que não sabiam o que queriam da vida, que eram emocionalmente instáveis,  dependentes emocionalmente dos pais, mal resolvidos com a própria sexualidade… enfim… pessoas que deixaram muito a desejar.  Dessa vez parecia que eu tinha encontrado o homem da minha vida.  Era tudo muito perfeito.  Eu estava muito feliz.

Aquela noite dormi tão bem como há muito tempo não dormia.   Um sono tranqüilo.  Claro que meus últimos pensamentos foram para ele.

Havíamos combinado de nos vermos no final de semana, afinal de contas ainda era sexta-feira e o final de semana estava apenas começando.

No dia seguinte nos encontramos na pista de caminhada perto da minha casa.  Resolvemos caminhar e conversar, para nos conhecermos melhor.   Adorei a idéia.  Finalmente encontrei alguém que não gosta tanto quanto eu de ficar preso em casa por muito tempo.

Cheguei um pouco antes do horário marcado e fiquei esperando por algum tempo.  Quando vejo, ele vem ao longe, usando short preto, camiseta branca e tênis.  Roupas para caminhar, claro.

Foi a primeira vez que o via em “trajes menores”.   Fiquei paralisado ao ver aquele homem se aproximando de mim.  A beleza do seu corpo ficou mais evidente com suas pernas a mostra e a camiseta que parecia salientar ainda mais a musculatura do seu peito e braços.

Pensei comigo: os deuses me deram uma chance ou me mandaram o Apolo em pessoa?

Fiquei com vontade de agarrá-lo e cobri-lo de beijos no meio da pista.  Mas eu me contive e apenas o cumprimentei com um aperto de mão.

Nesse ponto, ele é tão discreto quanto eu.  Não é do tipo que gosta de “causar” em público.

Somos gays, sabemos que o preconceito existe e não temos motivos para causar nenhum tipo de embaraço para ninguém que não aceita.

Mais uma vez fiquei hipnotizado pelos eu sorriso.  Era como se conseguíssemos nos comunicar apenas pelos olhares e sorrisos.

Por que uma paixão tão repentina?  Seria coisa da minha cabeça, ou ele realmente estava retribuindo igualmente o interesse que eu estava sentindo por ele?

Caminhamos por um bom tempo e ele me convidou para irmos até a casa dele para tomarmos algo para refrescar o calor que estava fazendo aquele dia.

Ao entrar fiquei pensando que há algumas horas eu estava ali tendo um dos melhores momentos da minha vida.  Agora eu estava ali denovo.  O que será que aguardava desta vez?

Ele logo que entrou, tirou a camiseta e ficou só de short.

Aí sim consegui ter idéia do que aquela camiseta escondia.

[CONTINUA]

Super mega beijo a todos.

Max Castro.

 

O que jamais perguntar quando chega em alguém?

Publicado: 25/02/2011 por @peagapenalvez em gay
Tags:, , , , ,

Como chegar em uma pessoa que gosto muito? Ele é muito discreto, quem vê de longe pensa que é hetero. Que tipo de papo deve ter com essa pessoa, e o que jamais devo perguntar?

Anônimo, Via Formspring

Peagá Peñalvez responde:

Olá Anônimo, pelo jeito essa deve ser a dúvida de muita gente, porque vira e mexe temos aqui dicas de como chegar em alguém. Nem é tçao difícil chegar em alguém gente, basta seguir o passo a passo que postei em um post passado que vou transcrever aqui, que tem a maioria das suas respostas.

Passo 1 - Quando o encontrar, olhe diretamente nos olhos dele, algo em torno de 3 a 4 segundos. Isso tudo é linguagem corporal que indica interesse. Se possivel olhe para a boca dele, depois olhe rapidamente para os olhos dele e desvie o olhar. Ficar encarando fixamente, pode colocar tudo a perder, ele pode levar como algo ruim… por isso use com moderação.

Passo 2 – A partir do momento que ele corresponder os olhares, dê um sorriso quando ele estiver te olhando. Isso mostra que você captou os olhares e está retribuindo. Não se esqueça de estar com os dentes lindamente escovados, senão tudo vai por água abaixo.

Passo 3 – Ele te olhou??? Sorriu também??? É hora da abordagem. Puxe assunto leves com ele, algo que talvez gere interesse em ficar conversando. Nada de falar sobre o tempo e afins, só se estiver caindo uma chuva torrencial. Bom humor é sempre benvindo, mas não banque o palhaço.

Passo 4 – Convide-o para um café, uma cerveja, ou qualquer outra coisa. Se ele topar, pode apostar que está afim de você… e ficar com ele será fácil depois disso.

 

Finalizando, o que não perguntar para ele. Não se deve perguntar se ele é ativo ou passivo logo no primeiro encontro. Acho que você soaria como um ninfomaníaco. Deixe essa pergunta mais pra frente, depois que tiverem uma certa intimidade. Corra de assuntos como religião, futebol e política, porque dependendo das diferenças você pode colocar tudo a perder.

Boa sorte com o boy.


Ou clique AQUI

A ministra Maria do Rosário, da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, lançou, no sábado 19, um serviço de denúncias de ações homofóbicas, que passa a integrar o Disque 100, número gratuito que recebe, 24 horas por dia, ligações em defesa dos direitos humanos em todo o país. 

“Com esse serviço, teremos uma amostragem do que significa esse preconceito em todo o território nacional e agiremos em rede para fazer com que a violência cesse imediatamente e o Brasil seja livre da homofobia”, disse Maria do Rosário. Em casos mais graves, como os de violência física, a polícia será acionada.

Fonte: Folha.com

Leandro Madness Comenta:

)))Ao invés de gastar os dedos com ponografia on line, Disque 100 meu filho! O serviço serve pro Brasil inteiro e é 24hrs. Denuncie todos os casos de homofobia que presenciar, inclusive os que são contra você. Ter medo de exigir seus direitos não resolve a situação.

OBS: Para ler essa matéria na íntegra clique AQUI.